SETEMBRO MÊS DAS VINDIMAS

NOVOS MINISTROS

DUPLA PERSONALIDADE

Mister Sócrates ou Doctor José?



 

sábado, 10 de outubro de 2009

TAVIRA SEGUE EM FRENTE

Foi bonito o último dia de campanha de RUI AMARO

A ARRUADA mobilizou muitos militantes e simpatizantes QUE ESPALHARAM COR, MÚSICA E ALEGRIA em abundância.
Morais Sarmanto veio dar um abraço ao Rui e encantou a população

À noite, o Pavilhão Gimnodesportivo encheu-se para ouvir artistas tavirenses e sobretudo a voz dos candidatos que com muita força e determinação fecharam com chave de oiro a campanha 2009

Pelo apoio caloroso da população o próximo Presidente da Câmara de Tavira está encontrado

RUI AMARO

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

VASSOURADAS XX

Convém lembrar aqui que perguntar não ofende.
O envolvimento do primeiro ministro em tantos casos justificava que, cem, mil, dez mil vezes se fosse necessário, ele fosse chamado a esclarecer:

- O modo como tirou a licenciatura na famigerada Independente;
- O caso da dupla e rasurada biografia que o dava com engenheiro que afinal não era nem nunca virá a ser
- o Morais das 4-cadeiras-4;
- O caso fripó;
- O alegado envolvimento de familiares em negócios públicos como o licenciamento do fripó;
- A misteriosa tendência de familiares que resolvem emigrar para sítios tão estranhos como a China e Angola;
- O caso das pressões aos magistrados que investigam o caso fripó;
- A não demissão do indivíduo que fez essas pressões, o ilustre xuxialista lopes da mota;
- O caso da Cova da Beira;
- O caso das casinhas da Guarda-Covilhã;
- O caso da compra do apartamento de luxo por metade do preço;
- O caso da pensão da excelentíssima mãe que descontou semprre pelos mínimos e ficou com uma pensão de quase 3 mil €;
-O caso do relatório sobre Educação que afinal não era da OCDE;
- O caso do silenciamento do Jornal de Sexta, a principal oposição a sério, do ingenheiro.
- A perseguição e o processo ao blogger do Portugal Profundo (entretanto absolvido);
- O caso do processo por delito de opinião a um jornalista do DN (entretanto absolvido);
- O caso dos casamentos homossexuais em que legislou para ele próprio, sem até à data se ter assumido como tal.
- Os caos de perseguição pidesca de vários cidadãos portugueses;
- O caso de ser ele o coordenador de todas as polícias , incluindo as secretas;
- O caso de ter sob escuta a Presidência da República e muitos outros órgãos e departamentos;
- O de nunca o terem questiondo -quando disse que só o atacavam por casos- se acha que isto é pouco, é ético e de dignidade menor

Tudo isto é completamente absurdo e Portugal volta a ter à frente um falso engenheiro.
Esperemos por pouco tempo.

sábado, 19 de setembro de 2009

NOVA PARAGEM

Por motivos de força maior o blog fica suspenso por mais 15 dias

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

!!! QUAL JORNAL ???

- Jornal de sexta-feira?
- Não conheço. Não sei nada sobre isso

Provavelmente mais uma campanha negra orquestrada pelos xuxas

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

NOVOS MINISTROS

... Até o boquinha doce.... vai para canto

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

SÓCRATES NÃO PRESTA


Realmente Sócrates não presta


No debate Sócrates - Louçã, o ainda primeiro ministro, e independentemente do sorriso lupino de sócrates a verdade é que por muito que teatralize as suas intervenções o seu caracter vem ao de cima

Assim aconteceu


Sublinho a parte final do debate em que sócrates fez um ataque decabelado ao povo da Madeira como se as eleições na Madeira fossem fraudulentas ou povo madeirense estúpido.

João Jardim ganha as eleições madeirenses há 34 anos e até hoje não há conhecimento de qualquer fraude

Na área dos dinheiros não há qualquer queixa de desvio, roubo ou corrupção


Por isso foi de grande torpeza, um ainda 1º ministro, atacar terceiros ausentes, (no caso concreto, Manuela Ferreira Leite na sua visita à Madeira)


Foi torpe

De todo o modo, a torpeza de se atacar terceiros ausentes, merece que se lembre ao Primeiro Ministro as palavras que Jaime Gama, actual cabeça de lista do PS às legislativas pelo círculo de Lisboa, quando este disse, em Março de 2008, que Jardim «é um exemplo supremo na vida democrática».
Jaime Gama destacou ainda que o progresso existente na região autónoma da Madeira «é um trabalho notável, é uma conquista extraordinária, é uma obra ímpar e isso deve ser reconhecido».


No final, Louçã, lembrou-lhe as camas retiradas do Hospital de Seia após a inauguração.

Sobre isto a criatura nada replicou.

Uma vergonha

Mais uma inauguração de mentira tal como já tinha acontecido com a entrega dos "cagalhães" às crianças, também eles retirados às crianças logo que as câmaras e jornalistas sairam da sala.

O EX-MINISTRO EM JOVEM


Na altura ainda usava sapatilhas e soquetes e era tão tímido que escondia os olhitos atrás da franginha

BRINCADEIRAS DO ZEZINHO

Tempestade Perfeita